Mãe teria dirigido com marido e filho mortos no carro antes de ser assassinada, diz polícia

A empresária Flaviana Gonçalves, 40 anos, teria sido obrigada a dirigir o carro em que seu corpo foi encontrado carbonizado, junto com os do marido e do filho, dentro do porta-malas, na madrugada de terça-feira (28), em São Bernardo do Campo (ABC), segundo a polícia.

Secretário de Educação Superior do MEC pede demissão

Em meio a uma das maiores crises da pasta do Ministério da Educação (MEC), o Secretário de Educação Superior da pasta, Arnaldo Lima Junior, pediu demissão do posto ontem (30), de acordo com o Estadão.

Governo tem 115 projetos de privatizações e quer leiloar ao menos 6 estatais em 2020

A carteira de projetos já anunciados que o governo Bolsonaro pretende transferir para a iniciativa privada soma atualmente 115 ativos. Desse total, a promessa é que ao menos 64 sejam leiloados ainda neste ano, incluindo a venda de 6 estatais, o leilão do 5G, além de concessão de aeroportos, rodovias, ferrovias e até parques nacionais.

A partir de sábado, salário mínimo passa a ter outro valor; veja o que muda

No dia 31 de dezembro, o presidente Jair Bolsonaro decretou um aumento de 4,1% no salário mínimo, que passou de R$ 998 para R$ 1.039. O reajuste foi feito com base em estimativas para a inflação. Porém, com a divulgação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) consolidado de 2019 para 4,48%, o governo decidiu corrigir o piso nacional para R$ 1.045. O novo valor começará a valer neste sábado, e altera, além de salários e aposentadorias, valores do PIS, seguro-desemprego, indenizações da Justiça, e contribuições dos trabalhadores e de microempreendedores individuais (MEIs).

Moro lança lista de criminosos mais procurados do país

O ministro da Justiça, Sergio Moro, lançou nesta quinta-feira (30) uma plataforma com o objetivo de fortalecer o combate ao crime organizado no país. Trata-se de uma lista com nomes, imagens e dados dos bandidos mais procurados do Brasil, disponibilizada no portal da pasta.

Coronavírus: saiba como o Governo Federal está agindo

A nossa vigilância em saúde no Brasil é reconhecida, principalmente, pela capilaridade do SUS. O país possui uma equipe de profissionais capacitados e que já passaram por outras epidemias de vírus. Todos os rumores e suspeitas do coronavírus são detectados e avaliados”, assevera o ministro da Saúde, Henrique Mandetta.